Como vender com blog sendo afiliado – 8 pontos chave para ter sucesso

como-vender-com-blog-sendo-afiliado

Se você quer saber como vender com blog sendo afiliado, recomendo que leia esse artigo até o final, anote os pontos destacados e comece aplicar hoje mesmo dentro do seu blog.

Caso seja dessas pessoas que acham que os blogs morreram e são um negócio do passado, estou aqui para provar o contrário, pois trabalho com blog e faço mais de 3 mil reais por mês com meu conteúdo.

O que realmente acontece é que as pessoas criam blogs e acham que podem colocar uns dois ou três artigos e já sair vendendo, e não é assim que funciona.

Para ter sucesso com blog vendendo produtos de afiliado é preciso ter um planejamento estratégico eficaz, afim de levar o público até uma oferta que seja irresistível.

A falta de sucesso em negócios com blog se deve ao único fato de que não foi feito um planejamento correto, e é isso que você vai ver detalhadamente nesse artigo. Vamos lá?

Como vender com blog sendo afiliado – 8 pontos principais para vender todos os dias

como-vender-com-blog-sendo-afiliado

Veja abaixo 8 pontos que considero primordiais para quem deseja vender como afiliado através de blogs:

1 – Nicho de mercado

Algumas pessoas acham até cansativo esse assunto, mas o fato é que a escolha do nicho de mercado é a BASE do seu negócio com blog.

E, na hora de trabalhar como afiliado existe um ciclo até interessante para escolher, que é escolher primeiro o produto que quer promover, e então trabalhar com o nicho dele.

Ou, escolher primeiro o nicho que mais se identifica e, a partir disso, escolher produtos que atendam ao público desse mercado.

Seja qual for a forma de escolha, lembre-se que para ganhar dinheiro como afiliado você terá que trabalhar com um nicho que tenha bastante público e oferecer produtos que sejam atraentes e úteis para as pessoas.

2 – Escolha dos produtos

É fundamental escolher produtos que sejam relevantes para o público.

Por exemplo, se você está no nicho de beleza e quer vender cursos de manicure, sempre procure por treinamentos que realmente ensinem a pessoa se profissionalizar, que tenham certificação.

O melhor guia para escolher produtos é: “EU compraria esse produto se fizesse parte desse público?”.

3 – Página de vendas

O ponto principal que deve ser analisado na hora de escolher os produtos para promover é a página de vendas.

Ela deve ser atraente e conter todas informações que possam ser de interesse do público, como tempo de acesso, valor, o que será ensinado, prazo de garantia, se tem certificado e todas essas perguntas mais comuns.

Lembre-se que não será o seu conteúdo que fará a venda, você apenas atrairá pessoas e direcionará para a página de vendas, se ela não for persuasiva e completa, as pessoas sairão dela sem comprar.

4 – Valor das comissões

Para ganhar dinheiro na internet, sendo afiliado, é preciso analisar a relação entre o preço de venda do produto e o valor da comissão.

Evite trabalhar apenas com comissões baixas, pois precisará fazer muitas vendas para receber um valor significativo, e isso pode ser frustrante.

Tenha um mix de produtos com comissões mais altas e algumas baixas, assim você atenderá a todos tipos de bolsos que chegarem no seu conteúdo e ofertas.

5 – Aparência do blog/site

Um ponto crucial na hora de como vender com blog sendo afiliado é a aparência do blog, a forma como ele é visto pelas pessoas que acessam.

É importante que seja responsivo, ou seja, que abra corretamente em qualquer tipo de dispositivo, seja celular, tablet, ou desktop.

Precisa ter um layout limpo, com menu de fácil navegação e também letras e cores que não impeçam a leitura dos artigos e conteúdo.

Deve ser uma página que passe profissionalismo e segurança para o público que acessa para ler um artigo.

6 – Clareza da finalidade do blog

Algumas pessoas apenas dizem: “Vou criar um blog para ganhar dinheiro na internet”, mas não fazem ideia de qual seria a finalidade do blog em si.

Defina QUEM é o público para quem você escreverá artigos, pergunte-se quais são as dores dessas pessoas, que perguntas elas fazem, o que elas querem conquistar.

Entregue essas soluções e respostas dentro do seu conteúdo evitando gerar conflito entre seus artigos e os produtos que está promovendo, para não “queimar” a chance de vender.

7 – Formas de monetização

Existem dois tipos de monetização dentro de um blog: Adsense e mercado de afiliados.

O Adsense é o programa de anúncios do Google que paga por impressões dos anúncios, e também por cliques.

Mercado de afiliados é quando você cria conteúdos estratégicos para levar o público até a página de vendas do produto que está promovendo.

Quando você coloca as duas formas dentro do blog, precisa ficar atento, pois terá que produzir conteúdo que atenda as duas demandas de monetização.

Por exemplo, para o Adsense terá que trabalhar com palavras chave com volume alto de buscas, e para vender como afiliado, terá que criar conteúdo relevante dentro do nicho e “encaixar” a oferta de forma natural.

8 – Geração de tráfego

E, a última coisa que é preciso definir em como vender com blog sendo afiliado é COMO será feita a geração de tráfego.

Tráfego orgânico é aquele que chega até seu blog a partir de pesquisas feitas no Google, ou no Pinterest (realmente recomendo que use o Pinterest na sua estratégia de marketing).

Para ter bastante gente chegando no seu blog terá que aplicar estratégias de SEO, para deixar seu conteúdo otimizado e pronto para aparecer no resultado das buscas, quando alguém fizer uma pesquisa.

Tráfego pago é aquele que chega até seu blog a partir de cliques que são dados nos anúncios que você faz nas redes sociais, no Pinterest e no próprio Google.

Se você deseja entender melhor esses itens, assista ao vídeo abaixo onde eu fiz uma mentoria gratuita de um blog e explico detalhadamente cada um desses fatores!

E, se você deseja ter uma renda de, pelo menos R$ 3.000,00 por mês usando blog para vender como afiliado, conheça meu curso Blog 3K.

É um treinamento onde eu ensino passo a passo como criar um blog do zero e monetizar para criar renda passiva e recorrente na internet, como eu e alguns dos meus alunos fazemos todos os meses.

Descubra as 3 Estratégias Secretas do Pinterest para Dominar as Vendas com Baixa Concorrência e Menor Custo de Tráfego.

Descubra as 3 Estratégias Secretas do Pinterest para Dominar as Vendas com Baixa Concorrência e Menor Custo de Tráfego.

Ainda hoje você será capaz de entender porque o Pinterest é melhor que o Instagram pra vender produtos/ serviços e você também descobrirá porque o custo do lead é muito mais baixo e como usar tudo isso em seu negócio, mesmo que você esteja começando do zero no Pinterest.

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.